Seguro de Saúde e Prevenção


Esta sexta-feira é o prazo final para se inscrever para os seguros de saúde de 2018 nos EUA. Plano de saúde é um problema grande e complicado na América. Para mim, como estrangeira neste país incrível é muito difícil entender o sistema de saúde, quase como um mistério e a maioria dos americanos também concorda com isso.


No Brasil, meu país natal, o sistema é mais fácil de entender, mas não é justo. Nós temos hospitais públicos que podem fornecer serviços gratuitos, mas o médico e os enfermeiros não são bem pagos (ou mesmo não pagos) e na maioria dos hospitais falta materiais e medicamentos básicos. Então, quem pode pagar um seguro de saúde, tem que pagar uma boa quantia de dinheiro para ter um decente.

Se existe alguma boa solução no mundo? Ah sim, com certeza! Existem exemplos na França, Nova Zelândia, Áustria, Austrália, Cingapura... E o que eles têm em comum? A saúde é medida por três componentes importantes do Instituto Legatum: a saúde mental e física básica do país, a infraestrutura de saúde e a disponibilidade de cuidados preventivos e, claro, todos esses elementos dependem da situação econômica, bem como de outras questões políticas.


Mas se você não está em um dos países listados como o melhor sistema de saúde do mundo, um dos componentes da lista do Legatum Institute, a disponibilidade de cuidados preventivos, pode ser feito por você, não dependendo de nenhum tipo de sistema ou seguro de saúde. Como? Aqui vai a minha checklist:

  • Comer comida de verdade, alimentos saudáveis ​​frescos e feitos em casa.

  • Coma o máximo possível orgânico.

  • Beba muita água filtrada.

  • Usar alimentos como remédio. Tem um resfriado? Experimente primeiro o gengibre, o limão e o mel em vez de uma pílula.

  • Exercite corpo diariamente, mesmo uma caminhada de 20 minutos é melhor do que nada.

  • Seja mais grato! O ato de ser grato ajuda a prevenir a criação de doenças.

  • Não fume!

  • Aprenda maneiras de desestressar seu corpo e sua mente, como técnicas de meditação e respiração.

  • Faça check-ups básicos anuais.

  • Não tome remédios para tudo o que tem ou sente. Opte pelo natural tanto quanto você puder.

  • Aprenda a ouvir o seu corpo através do registro em um diário, por exemplo, e fazendo alguns programas de health coaching.

#saúde