Dieta da Endometriose



Está lutando com endo? Ou já lutou antes? Este post é para você! O que você escolhe para alimentar o seu corpo desempenha um papel importante na sua saúde, certo? Então, o que você come pode ajudar a curar ou piorar a sua endo. Aqui estão alguns pontos importantes a serem considerados:

Faça uma alimentação sem glúten

O glúten provoca inflamação no corpo e, além disso, seguir uma dieta sem glúten pode reduzir significativamente a dor pélvica.

Aumento da ingestão de gorduras omega-3

Encontrado em peixes gordurosos e outras fontes de animais e plantas (como óleo de linhaça, óleo de prímula), as gorduras omega-3 têm benefícios anti-inflamatórios e podem ajudar a reduzir a dor e a inflamação.


Coma comida de verdade e frutas, legumes e grãos integrais

Prepare seu próprio alimento (e, portanto, evite gorduras trans e óleos ruins - canola, soja, óleo de milho - de alimentos processados) e certifique-se de preencher o prato com uma combinação desses alimentos e assim a sua dieta será recheada com nutrientes essenciais e minimizará sua ingestão de calorias vazias.

REDUZA A CARNE VERMELHA

Mais uma vez, outro alimento relacionado à inflamação (alimentos especialmente processados ​​e não alimentados com pastagem – Grass Fed). Além disso, alguns estudos sugerem que uma alta ingestão de carne vermelha pode estar associada a níveis mais elevados de estrogênio no sangue e uma vez que a endometriose é uma doença dependente de estrogênio, níveis mais elevados de estrogênio no sangue podem aumentar o risco da doença.

Não é tão ruim assim? ;)

#endometriose #dieta #saúde